Final do Lost e o último mistério

O seriado Lost acabou ontem e, como foi durante toda a sua história, deixou várias questões sobre a mitologia da ilha em aberto. O episódio final, que teve duas horas e meia de exibição e foi transmitido para 59 países, dividiu opiniões.

Em várias redes sociais da internet – meio este que foi muito utilizado pelos produtores para aumentar a popularidade do seriado -, o que se viu foram críticas positivas e negativas para os produtores, Carlton Cuse e Damon Lindelof. Vários criticaram o fato de o seriado não dar as respostas para os principais mistérios que envolviam a ilha. Outros aprovaram o final em aberto que deixou o espectador tirar suas próprias conclusões.

Estima-se que, apenas no episódio de ontem, a rede responsável pela exibição da série, a ABC, possa ter faturado mais de 45 milhões de dólares com publicidade durante os comerciais do programa.

Foram cobrados 900 mil dólares para trinta segundos de comercial. Nada mais justo para uma série que teve o episódio piloto mais caro da história e teve um elevado custo devido ao grande elenco e por precisar ser rodada no Havaí.

Compartilhe no Facebook

Leave A Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *